Sat, 27 Mar | Plataforma AND Lab Comunidade-Acervo + Zoom

hANDling | "Corpo de Re-membração" | Abordagem às Práticas do Programa

Circuitos de oficinas | jogo AND, práticas corporais, escuta e conversa | 2 sessões intro + 12 encontros semanais via Zoom + grupo para partilha de afetos e questões emergentes, entre as sessões | com Fernanda Eugenio & rede de colaboradores AND
hANDling | "Corpo de Re-membração" | Abordagem às Práticas do Programa

Horário e local

27 Mar, 18:00 WET – 15 Jun, 22:00 WEST
Plataforma AND Lab Comunidade-Acervo + Zoom

Sobre o evento

CLICAR EM "LER+" ABAIXO PARA EXPANDIR | CLICK ON "READ+" BELOW TO EXPAND

hANDling

Abordagem às práticas do Programa

Circuitos de oficinas | jogo AND, práticas corporais, escuta e conversa

2 sessões intro + 12 encontros semanais via Zoom + grupo para partilha de afetos e questões emergentes, entre as sessões

Corpo de Re-membração

com Fernanda Eugenio, rede de colaboradores AND (Flora Mariah, Milene Duenha, Guto Macedo, Mariana Pimentel, Pat Bergantin, Naiá Delion) e psicólogues da linha AND Cuidado (Ruan Rocha, com acompanhamento paralelo de Iacã Macerata)

27 de março a 15 de junho de 2021

Intro AND, sábados 27 de março 15-18h BR/ 18-21h PT e 8 de maio 15-18h BR/ 19-22h PT

Sessões de prática, semanalmente às terças-feiras, 15-18h BR/ 19-22h PT

Estes circuitos de oficinas funcionarão como uma visita guiada, uma abordagem às práticas do programa hANDling, abrindo os trabalhos práticos da Escola do Reparar 2021. Propomos um percurso duracional de insistência e persistência na prática, como via para constituir, singular e coletivamente, um corpo de re-membração: um corpo para o agora e para o que vem, assente no não-saber, no encorpar e no incorporar. Um corpo que, por habitação e  demora, por absorção e espraiamento, torna suas as ferramentas aqui partilhadas, ao mesmo tempo integrando-as (e expandindo-se) e desintegrando-se (e contraindo-as).

A proposta é, através de encontros regulares dedicados à frequentação de uma prática tríplice - Jogo AND com Fernanda Eugenio, diferentes práticas corporais com colaboradores da rede AND e escuta-conversa com psicólogues da linha AND Cuidado -, irmos aos poucos transpondo as práticas para um uso concreto nos nossos cotidianos, ao mesmo tempo em que preparamos o terreno somático e político no qual, no segundo semestre, desdobraremos a questão-tema deste ano, o Re-membrar, nos cursos LANDscape - onde essas e outras práticas em sinergia serão complexificadas e aprofundadas, a serviço da experimentação sensível com as modulações do (ir)reparável.

Esta visita guiada tomará a forma da oficina duracional, com encontros semanais, agrupados em dois circuitos, pensados para serem cursados integralmente, mas também permitindo a participação somente no primeiro ou no segundo. Cada circuito começará com um workshop prático-teórico de introdução ao MO_AND, num sábado, seguido por um bloco de 6 encontros semanais às terças-feiras.

O desenho desta atividade foi feito para permitir às pessoas participantes percorrerem e experimentarem todas as práticas que compõem o programa hANDling. Ao longo de todo o ano, o programa hANDling também oferece, em paralelo, o acesso singularizado a todas essas práticas, através da possibilidade da marcação de sessões individuais ou para pequenos grupos, seja para aprofundar a experiência vivida nos circuitos coletivos ou para trabalhar questões avulsas. Também através do programa hANDling é possível solicitar, a qualquer tempo, workshops MO_AND criados sob medida ou residências assistidas para o acompanhamento de projetos, ambos com Fernanda Eugenio.

Programa das sessões

Em cada circuito desta visita guiada, lado a lado à insistência em jogar o MO_AND e em praticar a escuta-conversa, se somarão 3 práticas corporais diferentes.

Circuito 1

  • 27 de março, 15-18h BR / 18-21h PT *atenção ao horário diferente de todas as demais sessões, por ser a única sessão antes da entrada em horario de verão em Portugal*: Introdução ao Modo Operativo AND, com Fernanda Eugenio
  • 30 de março e 6 de abril, 15-18h BR / 19-22h PT: Ancorar (Flora Mariah), Jogo AND (Fernanda Eugenio), AND Cuidado (Ruan Rocha, com acompanhamento paralelo de Iacã Macerata)
  • 13 e 20 de abril, 15-18h BR / 19-22h PT: Dança Microscópicopolítica (Milene Duenha), Jogo AND (Fernanda Eugenio), AND Cuidado (Ruan Rocha, com acompanhamento paralelo de Iacã Macerata)
  • 27 de abril e 4 de maio, 15-18h BR / 19-22h PT: Corpo Multidimensional (Guto Macedo), Jogo AND (Fernanda Eugenio), AND Cuidado (Ruan Rocha, com acompanhamento paralelo de Iacã Macerata)

Circuito 2

  • 8 de maio, 15-18h BR / 19-22h PT: Introdução ao Modo Operativo AND, com Fernanda Eugenio
  • 11 e 18 de maio, 15-18h BR / 19-22h PT: Práticas de Ajuntamento (Mariana Pimentel), Jogo AND (Fernanda Eugenio), AND Cuidado (Ruan Rocha, com acompanhamento paralelo de Iacã Macerata)
  • 25 de maio e 1 de junho, 15-18h BR / 19-22h PT: Corpo Antena (Pat Bergantin), Jogo AND (Fernanda Eugenio), AND Cuidado (Ruan Rocha, com acompanhamento paralelo de Iacã Macerata)
  • 8 e 15 de junho, 15-18h BR / 19-22h PT: Práticas de Sintonização e Inventário (Naiá Delion), Jogo AND (Fernanda Eugenio), AND Cuidado (Ruan Rocha, com acompanhamento paralelo de Iacã Macerata)

Carga horária e vagas:

A carga horária total de todo o percurso é de 42h ao vivo, em encontros com a duração de 3h cada, via plataforma Zoom + partilha de afetos e questões emergentes na Sala Com-Posição, na Comunidade-Acervo do site AND Lab, entre as sessões

Número de vagas: 24, das quais 4 são bolsas integrais

Número de mínimo de participantes: 10

Valores, formas de pagamento e bolsas

Participação avulsa WS Introdução MO_AND (somente 27/03 ou somente 08/05)

Portugal e demais paises: 30€

Brasil: R$150

Participação Parcial (somente circuito 1 ou somente circuito 2):

Portugal e demais países: 150€

Brasil: R$800 à vista com desconto ou R$ 890 parcelado em 3x sem juros pelo pagseguro

Participação Completa (circuitos 1 e 2):

Portugal e demais países: 200€

Brasil: R$1200 à vista com desconto ou R$1350 parcelado em 3x sem juros pelo pagseguro

ASSINALAR A MODALIDADE DE PARTICIPAÇÃO DESEJADA NO FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO

As bolsas integrais serão liberadas quando atingirmos 10 participantes inscrites para participação completa, número mínimo para viabilizar o curso.  As bolsas serão oferecidas para pessoas vulnerabilizadas por intersecções de raça, gênero, orientação sexual, origem social/nacional e corporalidades dissidentes. As pessoas contempladas com bolsas comprometem-se a cursar a totalidade das sessões.

Política de Desistências: até 15 dias antes do início da atividade, reembolso total do valor. A partir de 15 dias antes do início da atividade, reembolso de 50% do valor. Após o início da atividade, não há devolução.

E se eu não puder nessas datas/horários?

As pessoas inscritas receberão acesso às sessões gravadas, para o caso de não poderem comparecer nalguma das sessões no horário em que decorrerão ao vivo. O acesso fica ativo até 6 meses após o final do curso.

A inscrição é individual e as sessões são de acesso exclusivo às pessoas participantes.

Um grupo virtual estará ativo em nosso site durante os quatro meses do curso, para a partilha das vivências entre as sessões.

+Informações sobre as atividades:

Modo Operativo AND (Fernanda Eugenio)

O Modo Operativo AND (MO_AND) consiste numa ética do Re-parar, da Reparagem e da Reparação, sistematizada num conjunto de ferramentas-conceito e de proposições-jogo que, ao mesmo tempo, propõe e propicia: a investigação direta e experiencial dos funcionamentos do Acontecimento e da Relação; a explicitação dos modos de emergência e de sustentação de acontecimentos comuns metaestáveis; a sensibilização às condições de possibilidade contingentes-impermanentes de cada encontro e às consequências políticas dos posicionamentos individuais e/ou colectivos; a afinação das capacidades de distribuição não-hierárquica da atenção e de (re)inventário trajetivo do possível,; o treino da disponibilidade à diferença e ao acidente/imprevisto, da comparência atempada, da tomada de decisão situada e da colaboração dissensual; a transferência de protagonismo do sujeito para o acontecimento numa prática co(m)passionada da presença; o exercício da equiparação consistente entre autocuidado e cuidado do entorno e entre o discurso proferido e a sua efetuação no fazer. O MO_AND apoia-se na activação do (contra)dispositivo do jogo não-competitivo e de regras imanentes como meio para a frequentação de uma sensibilidade fractal, atenta e minuciosa às modulações relacionais da reciprocidade (justo meio entre a complementaridade e a simetria) e da suficiência (justo meio entre a eficiência e a desistência).

Escuta e Conversa / AND Cuidado (Iacã Macerata e Ruan Rocha)

Este trabalho é ofertado por psicólogues clíniques que praticam e pesquisam a dimensão de cuidado da experiência presente no MO_AND. Consiste em sessões de escuta, acolhimento, desdobramento e tessitura da maneira pela qual cada pessoa vivenciou a prática e de seus efeitos na experiência subjetiva. Propõe reparar (n)a experiência sensível, através das três modulações do reparar: delimitar um espaço para a expressão da experiência vivida; reparar e desdobrar este vivido (o quê, como, onde/quando); fazer a reparagem, a (com)posição(com) da experiência vivida no momento presente, através do jogo da conversa.

Ancorar (Flora Mariah)

Ancorar é uma prática de pesquisa do corpo focada em investigar mais especificamente a pelve em seus âmbitos funcionais, mecânicos e expressivos, e, através de um estudo dançado, abrir novos espaços, ancorar potências e liberar tensões desnecessárias, resgatando o prazer em habitar nosso próprio corpo.

Nossas ancas carregam camadas de história, nossa e de nossos ancestrais, que são passadas de geração em geração. Uma zona do corpo historicamente marginalizada, com encarnações de violências e silenciamentos. Mergulhar nesse mar e mover essas águas tão profundas é um movimento de resgate de si mesme, mas não só, é também parte de um processo coletivo de cura e descolonização de nossas corpas. Neste trabalho, vamos fazer analogia a alguns conceitos da navegação para nos ajudar a reconhecer, mapear e explorar a geografia das nossas ancas.

Dança Microscópicopolítica  (Milene Duenha)

Partindo da premissa de que as transformações na dimensão coletiva se referem a uma lógica recíproca de transformações que se dão nos corpos que a compõe, essa prática de ativação microscópica se volta ao cultivo das potencialidades sensíveis do corpo.  A partir reconhecimento de que não sabemos tudo o que pode um corpo e pela provocação de uma modulação da atenção às vibrações de existências microscópicas, busca-se o refinamento perceptivo para as emergências, como potência de vida, que se dão nas inter-ferências entre os corpos do ambiente. Essa prática é operada por uma ética das relações que envolve um redimensionamento da atenção para as velocidades e intensidades do menor e seus aspectos de ingovernabilidade.

Corpo Multidimensional (Guto Macedo)

Criar corpo no entrecruzamento do visível e do invisível, do dentro e do fora, do que toca e é tocado no soma (corpo de si), transpondo limites entre o perceptível e o imperceptível. Nessa abertura perceptiva, cada ume com suas próprias multi-imagens de corpo, tece devires, onde o tempo cruza o espaço, o passado ressoa no presente e novos esquemas somáticos emergem.

Práticas de Ajuntamento (Mariana Pimentel)

Práticas de Ajuntamento experimenta as poéticas do aglutinar-se. Ativa práticas de reciprocidade através da presença meditativa, de pequenas danças e do fluxo livre de movimento entre umes e outres. Reúne vivências que convocam o corpo coletivo e  expressão de sua presença nos diversos espaços e camadas que compõem a corporalidade.

Corpo Antena (Pat Bergantin)

Corpo Antena é uma prática corporal que aborda o corpo enquanto uma antena, que não só recebe e transmite, como também traduz, modula e sintoniza. Atuando no campo das micropercepções, aguça os sentidos para o que move (em) nosso corpo aqui-agora, em vez de partir de uma forma pré-estabelecida. Ativa princípios que conectam o movimento às forças emergentes do presente, recuperando a autonomia e reprogramando hábitos já condicionados. Por isso é indicada a qualquer pessoa que se identifique com a proposta, independente de sua experiência com dança.

Práticas de Sintonização e Inventário (Naiá Delion)

As Práticas de Sintonização tomam como ponto de partida a relação entre corpo e gravidade e propõem dedicar tempo para o mapeamento dos apoios do corpo no chão, dos apoios no ar ou em outro corpo, em pausa ou em movimento. Trata-se de acessar tecidos ósseos, musculares, elásticos e pele para investigar a fractalidade e a multidirecionalidade do movimento, dispondo o corpo para relacionar-se com o imponderável. As Práticas do Inventário tomam como ponto de partida algo que foi vivido. O mapeamento dessa experiência vai se afinando de fora para dentro até poder novamente incluir a relação do corpo com o campo gravitacional. Através do convite a este inventário singularizado, a proposta é que se possa abrir espaço para uma apropriação das vivências que permita disponibilizá-las como ferramentas para a investigação de cada ume.

Compartilhe este evento

Respeitamos a sua privacidade. Somente utilizamos quaisquer dados pessoais para efeito de comunicação de notícias sobre as nossas atividades ou processamento de inscrições e jamais os partilhamos com terceiros. É possível solicitar a obtenção ou a exclusão completa destes dados a qualquer instante para info@and-lab.org.

We respect your privacy. We only use any data collected for the purpose of communicating news about our activities or processing registrations, and we never share them with third parties. You can request to obtain or completely delete this data at any time via email info@and-lab.org.